19 de outubro de 2013

Blogagem Coletiva: Esmalte e Poesia

Hoje tem Blogagem Coletiva de Esmaltes da Fernanda Reali e em homenagem ao centenário do nascimento de Vinícius de Moraes o tema é Poesia. 
Poesia é o que torna a vida mais leve, colorida, aquecida.


Poesia é o que impulsiona os corações, olhares luminosos, sorrisos. É a poesia que move a mente inquieta dos curiosos, os dedos dos músicos, o pincel do pintor, o lápis do desenhista, a caneta do escritor.
Acredito que é a poesia em enxergar o lado bom da vida, em buscar solução para todos os problemas, acreditando que para todo problema há solução, tirar lições de tudo, que nos mantém lúcidos, vivos.
Temos poetas brilhantes: Vinícius, Drummond, Álvares de Azevedo, Cecília Meireles, Cora Coralina, Castro Alves, Gonçalves Dias, João Cabral de Melo Neto, Hilda Hilst, Manuel Bandeira, Mário Quintana, Paulo Leminski, entre outros. Assim como há poetas incríveis por todo o mundo: Fernando Pessoa, Pablo Neruda, William Shakespeare.
E há os meus poetas, pessoas que admiro e que escreveram textos que para mim são verdadeiras e perfeitas poesias: Chico Xavier, Martha Medeiros, Oswaldo Montenegro são alguns.


Um dos meus poetas favoritos é Carlos Drummond de Andrade. E dele escolhi Receita de Ano Novo que ao meu ver reflete o que devemos buscar todos os dias, não somente no 31 de dezembro. 
"Para ganhar um Ano Novo
que mereça este nome,
você, meu caro, tem de merecê-lo,
tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil,
mas tente, experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo
cochila e espera desde sempre."

Como o homenageado é Vinícius, dentre tantos textos belíssimos, escolhi um lúdico, infantil, que sempre achei fofo, bem bonito e adoro cantar pro João Miguel: A Casa.

"Era uma casa
Muito engraçada
Não tinha teto
Não tinha nada
Ninguém podia
Entrar nela não
Porque na casa
Não tinha chão
Ninguém podia
Dormir na rede
Porque a casa
Não tinha parede
Ninguém podia
Fazer pipi
Porque penico
Não tinha ali
Mas era feita
Com muito esmero
Na Rua dos Bobos
Número Zero."


O esmalte dessa semana é o Absoluta da Ludurana, linha Alta Definição.



Esse esmalte eu ganhei já faz um tempo então decidi experimentar. Achei cremoso demais, fica até meio difícil espalhar, mas dura bem (estou com ele desde terça-feira e faço tudo em casa). No primeiro dia achei claro demais para o meu gosto, mas depois acostumei e até acho que ficou bonito.


10 comentários:

  1. Oi Carine!

    Lindo post. E você citou justamente o homenageado, Vinícius. Eu acabei esquecendo...
    Realmente temos poetas maravilhosos e de todos os estilos literários. Eu quase postei sobre Drummond, pois também gosto muito.
    As unhas ficaram bonitas e delicadas com esse tom, gostei.

    beijos, Renata
    palpitandoemtudo

    ResponderExcluir
  2. Usei esse tom de esmalte no post Esmalte e Salada e em Esmaltee internet. Acho chique, sóbrio e elegante, mas não me adapto mais com cores claras. Em 2 dias já troco. Vinícius para crianças vai ser relançado pela adriana calcanhoto e outros artistas. Eu a vi falando na Tv sobre o projeto e amei! bjs

    ResponderExcluir
  3. Adorei o esmalte da semana!

    Também penso que poesia deixa a vida mais leve, colorida e verdadeira. Esses grandes artistas sabem como transformar qualquer situação em arte, em algo realmente belo!

    ResponderExcluir
  4. Acho cores claras tão lindas!
    Amei e divulguei no face. Beijooooooossss

    ResponderExcluir
  5. Fizemos um projeto lindo na escola sobre Vinícius e usei A CASA, com uma turma.

    Gostei da cor clássica.

    Bjus, Genis
    http://umdivapara3.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Esmalte suave, delicado... Eu ia usar uma do Vinícius mas depois troquei.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  7. A cor clara combinou com a poesia de Vinicius de Moraes que dialoga bem, também com as crianças. Aqui, a filhota adora! Beijo!

    ResponderExcluir
  8. Lindo post, adorei o esmalte escolhido.
    Bjks
    http://www.maevaidosa.com/2013/10/esmalte-e-poesia-62.html

    ResponderExcluir
  9. Oi Carine, amei o poema "Ano Novo" e a ciatção a Chico Xavier. O esmalte clarinho eu acho charmoso e delicado, mas raramente eu uso.
    beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Achei meigo seu esmalte.
    E que letra linda amore!!! Letra de "fessora" mesmo rs
    Adorei seu post com poema pra JM

    Beijossssssssss

    ResponderExcluir